Sem Soraya nem Rose, Avante desmarca lançamento de pré-candidatura de Harfouche

A previsão é que o evento com Harfouche seja feito na próxima terça-feira
| 27/06/2022
- 10:41
Sem Soraya nem Rose, Avante desmarca lançamento de pré-candidatura de Harfouche
Sérgio Harfouche em evento da pré-candidata Rose Modesto (Arquivo/Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax)

O partido Avante desmarcou o evento de lançamento da pré-candidatura de Sérgio Harfouche, que aconteceria nesta segunda-feira (27), em Campo Grande, após o Avante não confirmar a presença da senadora Soraya Thronicke e nem da pré-candidata ao governo do Estado pelo União Rose Modesto.

O evento aconteceria no hotel Deville, das 7h às 11h, conforme informado no local. A sala permaneceu reservada. De acordo com o procurador de Justiça licenciado Sérgio Harfouche, o evento foi adiado por conta de agendas da deputada e da senadora. A previsão é que o lançamento seja feito na próxima terça-feira.

Presidente estadual do Avante, Lucio Dani Soares informou que a coletiva foi desmarcada para "poder contemplar toda mídia de maneira maciça para divulgação da pré-candidatura do Promotor Sérgio Harfouche na disputa do Federal com seus suplentes já definidos, na composição Avante, União e Podemos".

Aposentadoria de Harfouche

No final de maio, o procurador do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) Sérgio Harfouche afirmou que pediu aposentadoria do cargo e vai concorrer ao Senado pelo Avante. Até então, ele já era considerado pré-candidato ao parlamento federal, no entanto, na condição de procurador licenciado. "Tomei decisão, não retorno mais ao Ministério Público e vou deixar então o meu eleitor mais seguro em relação à minha candidatura, cada voto meu será válido", disse.

Segundo o então procurador, o pedido de aposentadoria foi feito ainda em 2021. Contudo, ele afirma que 'protelou' a definição sobre sua saída definitiva, também porque sua 'vontade' era não se aposentar, apenas se licenciar, e contar com a decisão de 2018, quando disputou o Senado.

Ainda de acordo com Harfouche, o desligamento de fato do cargo é 'administrativo'. "Já foi feito o pedido, independentemente do que for, eu não retorno mais".

Suplente

O pré-candidato ao Senado definiu o produtor de algodão Alberto Schlatter como primeiro suplente na disputa para o Senado. Ele é filiado ao Podemos, partido que, junto com o Avante, apoia a pré-candidatura de Rose Modesto (União Brasil) ao Governo de Mato Grosso do Sul.

Veja também

Termo aditivo do contrato foi publicado nesta sexta-feira (19)

Últimas notícias