Ricardo José Senna, ex-secretário-adjunto da antiga Semagro, foi nomeado como secretário-executivo na Secretaria-Executiva de Ciência, Tecnologia e Inovação da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação).

A nomeação está no Diário Oficial de Mato Grosso do Sul desta sexta-feira (6). Desde 1º de janeiro de 2023, quando o governador (PSDB) assumiu o governo estadual, diversas nomeações têm sido feitas.

Além dele, Eliane Saleti Detoni Rocha foi nomeada como secretária-executiva do Escritório Estadual de Parcerias Estratégicas. Ela exercia a função, mas, agora com a criação das secretarias-executivas, foi definida como chefe desta.

Secretarias executivas e subsecretarias

A estrutura administrativa ainda conta com 16 secretarias executivas (salários estão previstos em R$ 28,4 mil), oito subsecretarias e 30 autarquias. As nomeações estão sendo realizadas gradualmente.

A Semadesc conta com as secretarias executivas de Desenvolvimento Econômico Sustentável; Familiar, de Povos Originários e Comunidades Tradicionais; Qualificação Profissional e Trabalho; Ciência, Tecnologia e Inovação e Meio Ambiente.

A Sead tem as secretarias executivas de Assistência Social; Orientação e Defesa do e Direitos Humanos. Já a SAD tem a Secretaria Executiva de Licitações.

A SECC conta com as secretarias executivas de Gestão Política da Capital e de Gestão Política do Interior, além da Superintendência de Emendas Parlamentares Estaduais e Federais.

Na Segov, há as secretarias executivas de Comunicação; Gestão da Estratégia e do Municipalismo e de Transformação Digital. E a Sejusp tem as secretarias de Justiça e também a de Segurança Pública.

A Setescc tem as subsecretarias de políticas públicas para Mulheres, Igualdade Racial, População Indígena, Juventude, LGBT+, Pessoas com Deficiência, Pessoas Idosas e Assuntos Comunitários.