Nesta quinta-feira (25), foi publicada no Diário Oficial da Alems (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul), a resolução 05/2023, que dá nome de Amarildo Cruz ao estacionamento para visitantes da Casa de Leis. O deputado faleceu em 17 de março, em .

A proposta é do deputado (PSDB), com coautoria de (PSDB). “Defensor do fortalecimento da classe dos servidores e do serviço público, era um estadista, lutando por diversas categorias. O ex-parlamentar foi um bravo representante de sua corrente partidária, sabia fazer a boa política, sempre priorizando o diálogo e o consenso. Atuava em defesa daqueles que mais precisavam, contando com uma invejável trajetória política no Estado”, pontuou Zé Texeira na justificativa do projeto.

A publicação no diário diz que, em memória ao ex-deputado estadual, a área do estacionamento destinada aos visitantes, na Alems, passa a denominar-se Deputado .

No site da Assembleia, texto relembra a trajetória do deputado. Filiado ao PT deste 1984, Amarildo Cruz foi deputado por cinco legislaturas na Alems. Foi eleito pela primeira vez em 2006, com quase 18 mil votos. Em 2010, concorreu à reeleição, ficando como 2º suplente em sua coligação. Em 2013, retornou ao Parlamento Estadual, tendo como destaque em sua atuação a presidência da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde.

Em 2014, Amarildo foi reeleito, conquistando 20.585 votos. Em 2016, presidiu a Comissão que acompanhou o acordo final da indenização aos municípios afetados pela usina hidrelétrica de Porto Primavera, em Rosana (SP).

Na mesma Legislatura, exerceu o cargo 2º Secretário da Mesa Diretora. Em 2022, foi reeleito para o seu quinto mandato, com 17.249 votos, participando da atual 12ª Legislatura como líder da Bancada do PT.

Em 14 de março deste ano, Amarildo da Cruz se sentiu mal e foi internado no hospital Proncor, em Campo Grande. Então, ficou três dias hospitalizado e faleceu em 17 de março, aos 60 anos.