Justiça manda candidato tirar vídeo onde afirma que Marquinhos descontou salário de professores

A Justiça eleitoral mandou que o candidato a vereador Gilvano Kunzler Bronzoni (PT) retire um vídeo das redes sociais publicado no último dia 4 deste mês, na qual acusa o prefeito Marquinhos Trad (PSD) de ter reduzido o salário dos professores no último vencimento devido a “semana do saco cheio”. Em decisão nesta sexta-feira (05), […]
| 07/11/2020
- 00:41
Justiça manda candidato tirar vídeo onde afirma que Marquinhos descontou salário de professores
Prefeito Marquinhos Trad. (Foto: Leonardo de França, Arquivo Midiamax). - Prefeito Marquinhos Trad. (Foto: Leonardo de França, Arquivo Midiamax).

A Justiça eleitoral mandou que o candidato a vereador Gilvano Kunzler Bronzoni (PT) retire um vídeo das redes sociais publicado no último dia 4 deste mês, na qual acusa o prefeito (PSD) de ter reduzido o salário dos professores no último vencimento devido a “semana do saco cheio”.

Em decisão nesta sexta-feira (05), o Thiago Nagasawa Tanaka, da 035ª Zona Eleitoral de Campo Grande decidiu que o candidato tire o vídeo em um prazo de 24 horas, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.

“Aduz que representado, no referido vídeo, apresenta afirmações inverídicas, onde afirma que os professores tiveram redução de vencimento, com desconto dos dias da semana do saco cheio, com o intuito de atacar a imagem e a reputação do Representante, jogando a categoria dos professores municipais contra o atual gestor e candidato à reeleição”, consta na denúncia da Coligação “Avançar e Fazer Mais”, de Marquinhos Trad.

*Matéria alterada às 22h44 do dia 08/11/2020 para correção de informação.

Veja também

Últimas notícias

Charge