China: Inflação ao produtor (PPI) tem alta anual de 4,4% em março; previsão 3,6%

| 09/04/2021
- 03:40
Divulgação
O Índice de Preços ao Produtor (PPI, na sigla em inglês) da avançou 4,4% em março ante igual mês de 2020, informou o Escritório Nacional de Estatística (NBS, na sigla em inglês) do país. Em fevereiro, o indicador havia registrado alta anual de 1,7%.
 
Foi a maior alta do PPI desde julho de 2018, quando o indicador havia registrado aumento de 4,6%. O resultado também superou as expectativas de economistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam alta de 3,6%.
 
Na comparação com fevereiro, o PPI avançou 1,6%.
 
Segundo o NBS, o resultado foi motivado pelo aumento global dos preços de commodities, em especial do petróleo. O aumento da produção da China também impulsionou os preços de produtos da indústria petroquímica.
 
Enquanto isso, o Índice de Preços ao (CPI, na sigla em inglês) chinês avançou 0,4% em março ante igual mês do ano anterior, após uma queda de 0,2% em fevereiro. O aumento foi mais intenso do que a alta de 0,3% prevista por economistas.
 
Os itens não alimentícios avançaram 0,7% e puxaram a alta do CPI de março. Na outra ponta, os preços de alimentos cederam 0,7% na comparação interanual.

Veja também

Animal teria ingerido grande quantidade do 'mel louco'

Últimas notícias