As equipes da Prefeitura de Aquidauana e da Defesa Civil Municipal continuam em alerta e fornecendo atendimentos aos moradores que foram acionando ajuda via Plantão Social, após o vendaval em Aquidauana, cidade localizada a 141 km de Campo Grande. Quem ainda necessitar de ajuda deve procurar o plantão via WhatsApp: (67) 99288-3963.

Conforme relatório de atendimento das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Planejamento, Urbanismo e Obras Públicas, até o período da manhã desta sexta-feira (10), foram atendidas 15 residências que tiveram seus telhados todo ou parcialmente arrancados, além de estragos em muros, portões e móveis que molharam.

O prefeito Odilon Ribeiro requisitou o levantamento de todos os danos e prejuízos causados às residências, para elaboração de um relatório para solicitar ao Governo do Estado e Defesa Civil Estadual recursos para atender essas famílias que precisarão reconstruir o que perderam.

Árvores

As equipes da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Rurais e do Artefatos da prefeitura trabalham desde a noite da última quinta-feira (9) retirando galhos e árvores. Foram contabilizadas mais de 40 árvores de médio e grande porte para serem retiradas.

“Nossas equipes estão desde ontem nas ruas, com homens e máquinas cortando árvores, retirando galhos sobre casas e muros, que trancaram ruas e, até, destruíram nosso viveiro. Atendemos as famílias imediatamente com lonas, alimentos e apoio das assistentes sociais. Estamos de prontidão e trabalhando para ajudar as famílias que precisam”, completou o prefeito Odilon.

Em dois Centros Municipais de Educação Infantil também houve danos em muros e telhados, devido à queda de galhos e árvores. A Secretaria Municipal de Educação também está dando apoio às equipes das unidades escolares.

Parque da Lagoa Fechado

No Parque da Lagoa Comprida, muitas árvores quebraram e outras foram arrancadas pela raiz, inclusive, uma de grande porte caiu sobre o Viveiro Municipal e destruindo-o completamente.

Diante da situação de destruição do viveiro, o prefeito Odilon Ribeiro explicou que será feito um levantamento dos danos e será necessário novo projeto para reconstruí-lo por completo.

Por conta das árvores e galhos caídos no Parque da Lagoa Comprida, a Prefeitura de Aquidauana precisou fechar o parque durante toda essa sexta-feira (10) para retirada dos galhos e limpeza do local.

Energia

Conforme dados divulgados pela concessionária Energisa, Aquidauana contabilizou 1.805 relâmpagos, o que ocasionou queda de energia na cidade, afetando 4,8 mil pessoas na tarde de ontem.

Os bairros aquidauanenses afetados pela falta de energia foram: Bairro alto, Cidade Nova, Vila Eliane, Vila Fragelli, Bairro da Exposição, Vila Pinheiro, São Pedro, Previsul e Santa Terezinha.

Segundo informou o Supervisor Regional de Atendimento, Marcos Luglio, foram identificados 52 transformadores abertos e estão trabalhando ininterruptamente para solucionar os casos quanto antes, atuando com 14 equipes em Aquidauana, contando com o apoio de mais sete equipes de Campo Grande e mais dois de Jardim que vieram dar suporte, totalizando 24 equipes.

“Nossas equipes não pararam de trabalhar, estamos com dedicação completa para resolver esse problema. Tivemos muitos cabos partidos e quedas de árvores afetando a rede elétrica. Somente na manhã de hoje, conseguimos reduzir de 4,8 mil para 2.912 clientes sem energia e, ainda, 40 transformadores abertos”, explicou o Supervisor Regional de Atendimento, Marcos Luglio.