Com três casos confirmados em Campo Grande

Diferenças entre a gripe e a Covid

Tratamento

A sazonal já era esperada. Suleiman lembra que as pessoas passaram os dois últimos invernos relativamente protegidas, com uso de máscaras e sem aglomerar. Com a flexibilização, diz, vírus como o da Influenza passam a circular mais. “Agora com a retomada, com as escolas funcionando e com o arrefecimento da circulação do novo coronavírus, surgiu uma janela, uma oportunidade de outros vírus emergirem”, completa Kfouri.

Segundo os especialistas, o melhor a ser feito neste momento para evitar a é continuar com os mesmos cuidados contra a Covid, ou seja, uso máscaras, evitar aglomerações, lavar as mãos e usar álcool em gel.

Como se prevenir?

Para se proteger contra a nova variante da gripe, as medidas de prevenção continuam as mesmas. Seguir com o uso de máscaras é importante, não só para evitar a contaminação pelo coronavírus, mas também para prevenção contra a H3N2. Além disso, apesar da vacina contra a gripe disponível atualmente não incluir a variante Darwin, ela ainda possui a Influenza H3N2 em sua composição, o que pode ajudar a evitar sintomas mais intensos.

As outras medidas de prevenção à gripe também seguem recomendadas:

  • Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilize lenço descartável para higiene nasal;
  • Cubra o nariz e a boca ao espirrar ou tossir;
  • Evite tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Não compartilhe objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Mantenha os ambientes bem ventilados;
  • Evite contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe;
  • Evite sair de casa em período de transmissão da doença;
  • Evite aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);
  • Adote hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.

*Com informações da Folha de S.Paulo.

Saiba Mais