A prefeitura de Ponta Porã publicou contratos para construção da faixa de fronteira do município, a 339 quilômetros de Campo Grande. Assim, as obras custarão R$ 90.227.971,72.

Os extratos dos contratos estão no Diário Oficial da cidade. No total, são quatro contratações, sendo que uma delas é de R$ 18.365.979,43, com a Coplan Construções Planejamentos, e Ltda.

Em outro contrato, a BTG Empreendimentos, Locações e Serviços Ltda receberá R$ 30.746.587,47. Então, R$ 21.976.342,58 vão para a EBS-Empresa Brasileira de Saneamento Ltda e 19.139.062,24 ficam com a Engenharia e Empreendimentos Ltda.

Assim, todas as empresas serão responsáveis pela execução de obras de implantação do Polígono da Linha Internacional do Município de Ponta Porã. Os contratos possuem 13 meses de vigência, contados a partir de 28 de dezembro de 2022, quando foram assinados.

Por fim, as obras fazem parte da lista de trabalhos com recursos do Fonplata (Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata).