O Prêmio Alysson Paolinelli foi proposto em Projeto de Resolução do Senado. A intenção é homenagear pessoas físicas ou jurídicas com iniciativas e práticas de produção sustentável de alimentos que se destaquem no país.

As iniciativas devem contribuir para a segurança alimentar no Brasil. A matéria é assinada pela senadora por Mato Grosso do Sul, Tereza Cristina (PP), e pelo senador por Mato Grosso, Jayme Campos (União).

Conforme o texto, o prêmio será realizado anualmente e entregue a três pessoas físicas ou jurídicas. A sessão de entrega do prêmio será realizada no Senado Federal.

Alysson Paolinelli

O ex-ministro da Agricultura, Alysson Paolinelli, morreu aos 86 anos em 29 de junho. Ele estava internado em estado grave no Hospital Madre Teresa, em Belo Horizonte.

Alysson Paolinelli nasceu em Bambuí, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais, em 1936. Engenheiro-agrônomo, ele assumiu a Secretaria de Agricultura do estado em 1971.

Além de ex-ministro, Paolinelli também ocupou a Secretaria de Agricultura de Minas Gerais em três oportunidades – durante as gestões de Rondon Pacheco, Hélio Garcia e Eduardo Azeredo. Ele foi indicado duas vezes ao Prêmio Nobel da Paz, em 2021 e 2022.

Foi palestrante na abertura da terceira edição programa Líder MS, em Campo Grande, no ano de 2017, trazendo conhecimento e a experiência para os participantes do 1º ciclo.