Líderes comunitários ressaltam importância da Câmara Comunitária na Vila Nasser

| 25/05/2022
- 11:53
Câmara líderes
Valdo Pereira. Foto: Marcos Ermínio.

Líderes Comunitários destacam a importância da Câmara Comunitária, realizada na manhã desta quarta-feira (25), na Municipal Professor Licurgo de Oliveira Bastos, no Bairro Vila Nasser, em Campo Grande. Os vereadores estão ouvindo as reivindicações dos moradores da região.

Paulo Alencar é presidente do bairro e explica que é de extrema importância a aproximação do legislativo com a população. Ele conseguiu realizar um levantamento das principais reivindicações dos moradores e pediu apoio os parlamentares.

camarac5 - Líderes comunitários ressaltam importância da Câmara Comunitária na Vila Nasser

“É muito importante deixar a Câmara mais próxima à população. Acompanho as propostas dos moradores e assim, os vereadores conseguem ouvir as nossas reivindicações de perto”, disse.
Os moradores do bairro também marcaram presença na sessão da Câmara Comunitária. Roquessandra Benites mora na Vila Nasser há 30 anos e explica que a comunidade precisa muito de cursos para jovens e mulheres.

camarac4 - Líderes comunitários ressaltam importância da Câmara Comunitária na Vila Nasser

“Precisamos de cursos profissionalizantes que nos coloquem no mercado de trabalho. Temos alguns espaços no bairro que não são usados com aulas para os moradores. Poderiam ajudar os jovens a não ficarem nas ruas também. Acho que os cursos ajudariam no futuro de todos”, disse.

O presidente do CRF (Comunidade Organizada em Defesa de Moradias nas Ocupações Irregulares, Famílias sem Moradias no Mato Grosso do Sul), Valdo Pereira de Souza, também listou uma série de reivindicações feitas pelos moradores da região.

camarac1 - Líderes comunitários ressaltam importância da Câmara Comunitária na Vila Nasser

“Buscamos a melhoria do bairro. Trouxe algumas reivindicações como a limpeza dos terrenos, não só os privados, mas os públicos também”, ressaltou.

De acordo com os vereadores, a intenção da Câmara Comunitária é ouvir as reivindicações para depois cobrar as secretarias e o Executivo.

Câmara Comunitária

Segundo divulgado pela Casa de Leis, a Câmara Comunitária não vota propostas nem abre para discussões dos parlamentares, focando, basicamente, em estreitar a relação com a população. Em dezembro do ano passado, uma foi feita no Bairro Moreninhas.

Veja também

A publicação consta na edição extra do Diogrande desta quinta-feira

Últimas notícias