Em reunião, Câmara e secretário de gestão discutem reajuste salarial de 8 mil servidores

Comissão da Câmara busca solução para melhoria da aposentadoria de servidores
| 24/05/2022
- 19:08
Câmara Municipal de Campo Grande
Foto: Marcos Ermínio, Midiamax.

Vereadores da Câmara de Campo Grande montaram uma comissão para debater o salarial para cerca de 8 mil servidores municipais. Em reunião com o secretário de gestão, Agenor Mattiello, o grupo vai discutir possíveis soluções para melhoria na aposentadoria desses trabalhadores.

Presidente da Comissão, o vereador Valdir Gomes (PSD) afirmou que o reajuste é para melhoria da aposentadoria de alguns servidores, que ganham menos que a base salarial. Segundo ele, esses servidores não recebem um salário mínimo e têm a remuneração complementada com benefícios. “Não houve uma correção de uns cinco anos para cá”, apontou.

Ele explicou que com salário abaixo do mínimo, o servidor recebe um valor baixo quando se aposenta. “Um servidor que aposentar com R$ 800, que é o salário dele, vai ficar com R$ 300 ou R$ 400”, exemplificou o vereador.

Valdir lembrou que ‘a maioria dos servidores tem empréstimo’ e o valor também afeta a aposentadoria. “Estamos procurando uma maneira de incorporar [os benefícios] no salário”, afirmou o vereador.

Ele lembra que entre os servidores afetados na hora de se aposentar estão merendeiras, zeladores e outras funções da primeira categoria do município. Por isso, a Comissão criada na pede um estudo para regularizar a situação trabalhista. “De 30 mil servidores, tem 8 ou 9 mil que estão nessa situação”, revelou.

Vereador Valdir Gomes. (Izaías Medeiros
Foto: Izaías Medeiros.

Formação da Comissão na Câmara

Com isso, o presidente justifica a criação da Comissão, que tem como membros os vereadores Alírio Villasanti, André Luís (Rede), Tabosa (PDT) e Victor Rocha (PP).

“A prefeitura não vai ter uma despesa a mais, porque eles já ganham isso, mas para aposentadoria eles não têm este direito”, ressaltou. Após a reunião com o secretário municipal, será realizada audiência com a classe de servidores, para apresentação das propostas.

Veja também

Pré-candidatos já estão autorizados a realizar propaganda intrapartidária. Ou seja, de acordo com o TSE...

Últimas notícias