Política

Mesmo após anúncio de Trutis, PSL convoca outra convenção para escolher candidato a prefeito

Mesmo após o deputado federal Loester Trutis (PSL) anunciar que é o candidato da sigla para disputar as eleições deste ano à Prefeitura de Campo Grande, a Comissão Provisória Municipal do partido encaminhou documento nesta segunda-feira (14) convocando para os filiados para outra convenção para escolher os candidatos a prefeito e a vice. No documento, […]

Evelin Cáceres Publicado em 14/09/2020, às 12h34

Senadora Soraya, presidente estadual e Loester Trutis, presidente municipal do PSL (Arquivo)
Senadora Soraya, presidente estadual e Loester Trutis, presidente municipal do PSL (Arquivo) - Senadora Soraya, presidente estadual e Loester Trutis, presidente municipal do PSL (Arquivo)

Mesmo após o deputado federal Loester Trutis (PSL) anunciar que é o candidato da sigla para disputar as eleições deste ano à Prefeitura de Campo Grande, a Comissão Provisória Municipal do partido encaminhou documento nesta segunda-feira (14) convocando para os filiados para outra convenção para escolher os candidatos a prefeito e a vice.

No documento, a Comissão também diz que a reunião virtual deve avaliar formação ou não de coligação, sorteio do número dos candidatos a vereador e ‘outros assuntos de interesse partidário e eleitoral’.

Presidente estadual do partido, a senadora Soraya Thronicke convocou coletiva nesta segunda no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), levantando suspeitas de que pode vir a pedir impugnação da convenção conduzida pela executiva municipal no domingo, que confirmou Loester Trutis como candidato ao invés do vereador Vinícius Siqueira, até então cotado para as eleições.

Após o anúncio, ao menos três candidatos que foram confirmados na convenção desistiram de disputar por causa da decisão do deputado federal em colocar o próprio nome na chapa.

Nesta segunda-feira (14), Vinícius Siqueira disse que várias pessoas retiraram e ainda haverá mais desistências. “Vários candidatos não aprovam o que ele [Trutis] fez”. Quanto à eventual saída do PSL, o parlamentar afirmou que “ainda é cedo” para dizer. O parlamentar disse que vai à Justiça para tentar impugnar a convenção.

Mesmo após anúncio de Trutis, PSL convoca outra convenção para escolher candidato a prefeito

Jornal Midiamax