Jornal Midiamax.

Segundo a esposa, André está bem, apesar do forte impacto, “apenas sentido dor na perna esquerda e ombro esquerdo”. O acidente aconteceu no início da tarde desta quarta-feira (22) e, “Graças a Deus”, ele estava sozinho. “Ele sempre leva os nossos filhos pra trabalhar com ele e, justo esse dia, ele não levou. Agradeço a Deus por isso. Ele estava indo para o trabalho”, pontuou Maria.

A esposa relata que André tem uma oficina mecânica no bairro Santa Emília e trabalha por conta própria. “O carro servia para buscar peças também, e fazer serviço móvel. Na hora ele estava indo trocar uma peça”, disse ela. A polícia de trânsito chegou a ser acionada no local. “Estamos esperando uma posição do motoqueiro para saber se ele vai arcar com o prejuízo. Se não, a orientação é seguir com a Justiça”, explicou.

O acidente

Um motociclista foi arremessado e saiu praticamente ileso de um acidente no cruzamento das Avenidas Salgado Filho e das Bandeiras, por volta do meio-dia desta quarta-feira (22), em Campo Grande. O condutor do carro também não sofreu ferimentos graves. Os dois foram levados conscientes e com escoriações para atendimento médico, pelo Corpo de Bombeiros.

Imagens de uma câmera de segurança mostram o motociclista “voando”, após colidir contra um VW Gol no cruzamento. De acordo com a polícia, o motociclista não teria respeitado o sinal vermelho.

Segundo o registro policial, o motociclista transitava em uma Yamaha pela Avenida das Bandeiras, sentido bairro – centro, momento em que não parou no sinal fechado, ocasionando então a colisão. Ainda segundo as informações, a moto foi recolhida ao pátio do (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).