Na tarde desta terça-feira (12), homem de 66 anos sofreu ferimentos graves no braço direito, enquanto trabalhava em uma fábrica de tintas no Colibri, em . O braço ficou preso na máquina que mistura as tintas e a vítima teve uma fratura exposta.

O trabalhava sozinho na fábrica naquele momento, quando foi conferir a tinta. Ele colocou a mão no tonel, quando o casaco enroscou na máquina que mistura a tinta. Com isso, o braço da vítima acabou torcendo junto com o equipamento.

A vítima sofreu ferimentos graves no antebraço e gritava por socorro. Uma vizinha, de 32 anos, ouviu os gritos e pensou se tratar de um assalto. Ela foi ao local e encontrou a vítima, então tentou desligar a máquina. A testemunha não encontrou botão para desligar o maquinário e acabou desligando o padrão de energia.

Depois, ajudou a cortar o casaco da vítima que estava preso na máquina. Corpo de Bombeiros foi acionado e o idoso socorrido e encaminhado para a Santa Casa, com fratura exposta no antebraço.

Idoso foi socorrido com o braço quebrado
Vítima foi levada ao – Foto: Stephanie Dias/Midiamax