Desafeto de marido falecido ameaça matar vizinha em Campo Grande: 'de hoje você não passa'

Viúva disse à polícia que o vizinho chega a subir o muro para filmar sua casa
| 27/03/2022
- 20:30
depac centro
Caso foi registrado na Depac Centro (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

Mulher de 50 anos procurou a polícia alegando ter sido ameaçada por seu vizinho de 56 anos neste domingo (27) em Campo Grande. Segundo o boletim de ocorrência, a vítima relatou que há tempos seu marido, falecido há cerca de um ano, teve um desentendimento com o vizinho, e mesmo depois da morte de seu cônjuge, o segue incomodando a viúva por tudo.

Na tarde deste domingo (27), ela fazia uma festa em sua casa e, após os convidados cantarem parabéns e crianças falarem alto, o vizinho ficou irado, chegando a acionar a polícia três vezes. Ele, inclusive, registrou um boletim de ocorrência contra ela por perturbação do sossego alheio.

A polícia constatou que não havia e apenas deu orientações no local. Por esse motivo, segundo o registro policial, o homem de 56 anos ameaçou a mulher dizendo: "Vou te matar, de hoje você não passa".

A vítima relata ainda que o autor fez um gesto como se fosse pegar uma arma na cintura para intimidá-la e que ele chega a subir o muro para filmar sua casa.

Para ela, esse fato causa muito transtorno e medo, já que mora sozinha com a filha e, por isso, teme por sua integridade física e da família. O caso foi registrado como ameaça.

Veja também

Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos

Últimas notícias