Bombeiros mergulhadores de MS são designados para ‘faxina’ em tanques do Aquário do Pantanal

Ao todo 15 mergulhadores bombeiros foram destinados para limpeza dos tanques
| 07/06/2022
- 14:47
mergulhador bioparque pantanal
Mergulhador fazendo limpeza no Aquário do Pantanal. (Foto: Reprodução)

Mergulhadores do CBMMS (Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul) foram convocados para realizar a limpeza e manutenção do após a quantidade de brigadistas contratados pela empresa responsável ter sido insuficiente, segundo denúncia recebida pelo Jornal Midiamax. Ao todo 15 mergulhadores foram cedidos para “ficar limpando” os tanques de peixes, e outros que estariam de folga, ficaram de sobreaviso caso surjam ocorrências em rios e córregos que necessitem dos bombeiros na Capital e interior.

A denúncia aponta que, mesmo com a contratação de brigadistas civis, teria sido pedido dois bombeiros militares por escala para atuarem como brigadistas também. “Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros, que passam por um treinamento difícil e árduo para resgatar em locais de difícil acesso, rios perigosos, agora vão ter que ir lá para fazer faxina no Aquário”, comentou um militar, que terá a identidade preservada.

Ainda conforme a denúncia, teria sido pedido para mudar o termo “faxina” nos tanques, no documento de comunicação interna, após a ordem de serviço dos mergulhadores chegar ao conhecimento de um oficial de alta patente. “Os mergulhadores civis contratados pela empresa não estão dando conta, aí estão pedindo os bombeiros”, explicou outro militar.

nota servico cbm 2 - Bombeiros mergulhadores de MS são designados para ‘faxina’ em tanques do Aquário do Pantanal
Nota de serviço do CBMMS (Foto: Reprodução)

O Midiamax teve acesso à nota de serviço, datada da última quinta-feira (2) e assinada pelo subcomandante geral do CBMMS. Conforme descrito no item 1 da nota nº 404/2022, a finalidade é “regular o acionamento de mergulhadores para atuação em ações do Bioparque , e no item 3.1, o objetivo, que é descrito como “regular o acionamento dos mergulhadores do CBMMS para atuar em ações de manutenção da estrutura dos tanques do Bioparque Pantanal”.

Em relação ao surgimento de buscas e resgates como as ocorridas de pessoas desaparecidas em rios, córregos e, principalmente, no interior do Estado, a nota de serviço estipula que serão acionados os bombeiros de folga, que passam a ficar de sobreaviso. O item 6.3 da parte de “prescrições diversas”, determina que “caso exista mais de uma ocorrência de Busca e Resgate Subaquático, em um mesmo período semanal, a(s) guarnição (ões) subsequente (s) deverá (ão) ser acionada (as)”.

Além disso, os dois grupamentos da Capital – 1º GB e 6º GB - além do Comandante de Socorro Metropolitano da Área Sul, a Seção de Planejamento, Operações e Controle de Atividades Técnicas, Órgãos de Apoio ao Comando Geral e Estado Maior Geral e Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) também foram acionados para realizar o controle das equipes escaladas.

nota servico cbm 1 - Bombeiros mergulhadores de MS são designados para ‘faxina’ em tanques do Aquário do Pantanal
Nota de serviço do CBMMS (Foto: Reprodução)

O Jornal Midiamax questionou o Bioparque Pantanal sobre qual empresa foi contratada para a manutenção dos tanques e o custo, e quantos mergulhadores fazem parte da equipe. Conforme explicado em nota, "o serviço [de limpeza] é feito pelo efetivo do Bioparque, e não tem custo adicional. Apenas roupa de mergulho e cilindro de oxigênio para que possa mergulhar. A manutenção é quase diária (sic)".

Em um vídeo institucional, divulgado pelo Bioparque, são mostrados mergulhadores realizando serviços de limpeza nos tanques. No entanto, não foi informado à reportagem onde estariam estes mergulhadores. Também foi questionado se havia um contrato vigente ou não, com a empresa responsável pela manutenção e contratação desses profissionais, e se ele teria chegado ao fim, mas o questionamento também não foi respondido. O espaço segue aberto para esclarecimentos.

Veja também

Últimas notícias