Segundo relato da vítima, ela descobriu que o CPF estava negativado no Serasa, por dívidas não quitadas. Ao investigar o que tinha acontecido, ela soube que teve um cartão de crédito contratado em seu nome, sem autorização.

A mulher alega que não autorizou ninguém a contratar o cartão, que tem uma fatura de dezembro no valor de R$ 39,794,05. O cartão não está vinculado a nenhuma conta da vítima e o caso foi registrado na 2ª Delegacia de Polícia Civil como estelionato.

Saiba Mais