Na manhã desta terça-feira (28), teve início operação que tem como alvo integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital). A partir das investigações, foi possível apontar que ordens de ‘justiçamento’, o chamado tribunal do crime, partem de Mato Grosso do Sul.

A ação acontece em 11 estados e é a segunda etapa da Operação Flashback. A princípio, é coordenada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Púbico de Alagoas. Além de Mato Grosso do Sul, também são cumpridos mandados em Alagoas, Sergipe, Pernambuco, Ceará, Bahia, Paraíba, Piauí, Paraná, São Paulo e Minas Gerais.

O intuito da operação é desarticular a nova composição do PCC, que teria base no Mato Grosso do Sul. A partir das investigações foi apurado que é deste Estado que saem as ordens de ‘justiçamento’ para todo Brasil. Na primeira fase da operação, foram cumpridos mandados em presídios de Mato Grosso do Sul.

Mandados

Ao total, foram expedidos 216 mandados, entre eles busca, apreensão e prisão, distribuídos em 71 municípios nas quatro regiões brasileiras. A região Nordeste é a que concentra o maior número de ações da operação, contabilizando 7 estados e 179 mandados judiciais expedidos.

Em Mato Grosso do Sul são cumpridos 16 mandados. A princípio, todos seriam em unidades prisionais do Estado.

*Matéria editada às 8h07 para acréscimo de informação