Repleta de figuras emblemáticas que merecem destaque pelo inusitado, Campo Grande pode mesmo ser considerada uma segunda Barbielândia. São tantas Barbies e tantos Kens que todo dia surge alguém novo fazendo jus aos apelidos. Desta vez, o Jornal Midiamax destaca a história de Patrícia Araújo, o seu amor pela boneca e pela cor rosa, que, inclusive, a fizeram buscar uma Igreja para saber se a paixão não era alguma doença ou pecado.

Esteticista e estudante de biomedicina, Patrícia tem 37 anos, vive na Vila Ipiranga e tem um estúdio de beleza 100% rosa na Capital, com direito a um enorme quadro da Barbie na recepção. Além disso, ela tinge os cabelos de loiro, tem 50% do guarda-roupas na cor rosa e, após um acidente que quase lhe tirou a vida, decidiu finalmente aplicar a cor também em seu carro.

barbie rosa
Barbie humana saiu da caixa – (Foto: Arquivo Pessoal)

A paixão ou obsessão, como preferir, tem uma longa história e também está atrelada à figura da boneca Barbie. “Meu amor por rosa tem mais de 20 anos, nem tinha filho ainda e gostava muito. Sempre gostei da Barbie, porém nunca tive uma. Aquela história, né? Tempos difíceis, a gente não tinha condição”, inicia ela em conversa com o MidiaMAIS.

“Comecei a trabalhar com 14 anos, fui mirim e aí eu comprei minha primeira Barbie. Foi quando entrei para esse mundo rosa de fantasia, de carro, de roupa. Já tive casa rosa, muita coisa na minha casa é rosa. Metade do meu closet é rosa”, acrescenta ela.

barbie rosa
Carro rosa de Patrícia chama atenção por onde passa em Campo Grande – (Foto: Arquivo Pessoal)

Barbie fez pergunta a Deus e buscou Igreja para não gostar mais de rosa

Assim como toda pessoa que expõe um gosto peculiar ou que se destaca entre as demais, Patrícia se tornou alvo de críticas, a ponto de questionar a Deus se estava fazendo algo errado. “Até já fui numa Igreja para parar de gostar de rosa, porque muitas pessoas já me criticaram ‘ai, você não é criança e gosta de rosa’. Eu falei assim ‘será que é pecado ou alguma doença?’. E não, não é não. É só uma coisa que eu não tive na minha infância que eu quis trazer pra minha vida”, relata ao Midiamax.

Além da cor e a história com a boneca, Patrícia conta que sua vida teve e ainda têm influência direta da Barbie. Ainda na adolescência, acostumada a ver a personagem na televisão, a esteticista tinha o sonho de conseguir ter uma Barbie para chamar de sua. Até que o primeiro trabalho, ainda como mirim, trouxe essa possibilidade. “A primeira coisa que eu fiz foi comprar uma Barbie. Comprei casinha, comprei fogão, tudo rosa”, destaca.

Mas o maior sonho, no entanto, só foi realizado após um acidente que quase tirou sua vida. “Eu tive tanta coisa rosa, mas um carro não. Há um ano e meio sofri um acidente de carro e quase morri. Por isso, decidi que era a hora de realizar esse sonho. Temos que fazer enquanto estamos vivos. E aí fui e mandei envelopar meu carro todo de rosa. Agora, onde eu passo, o pessoal fala ‘olha a Barbie’, porque eu sou loira, magrela e alta”, diz, aos risos.

Influências da Barbie

Com tanta inspiração e imersa no Barbieverso, Patrícia acabou tomando para si alguns ensinamentos deixados pelo legado da personagem.

“A Barbie sempre me influenciou nessa parte da carreira, eu já trabalhei de tudo na vida, porque a Barbie já teve várias carreiras também. E aí a gente vai trabalhando e tem que ser o que quiser, isso eu trouxe da Barbie pra mim”, comenta.

Na Avenida Lúdio Martins Coelho, está a materialização de tudo isso, com direito a um quadro enorme em homenagem à figura que tanto lhe inspirou e ainda inspira. “Eu vou ser o que eu quiser ser e se não der certo eu tento de novo outra profissão. Me encontrei no Estúdio de Beleza, já tem dez anos que eu tenho ele, dez anos de rosa”, comemora.

barbie rosa
Estúdio de beleza de Patrícia com quadro enorme da Barbie – (Foto: Arquivo Pessoal)

Festa surpresa e transferência do amor

A estudante de biomedicina, inclusive, fez aniversário no dia 4 de julho e ganhou uma festa surpresa da Barbie, mais apropriada impossível. “As meninas do estúdio prepararam tudo. Acabei de passar por uma cirurgia, tem 15 dias que estou operada, aí fizeram essa festa surpresa. Eu cheguei lá e, nossa, amei”, relata.

Casada há 15 anos e com dois filhos já rapazes, a Barbie pensou que seu amor pelo rosa e pela boneca ficaria restrito a si própria, até o nascimento de Isabela, a filha caçula de 8 anos, que herdou os sentimentos da mãe.

“Nossa, ela é apaixonada… o quarto, tudo dela é rosa. Ontem ela foi assistir ao filme, foi apaixonante”, encerra a esteticista.

Estreia do filme “Barbie”

Em alusão à estreia do live-action, o MidiaMAIS preparou uma semana de conteúdos relacionados a este universo. Vale lembrar que “Barbie” estreia nos principais cinemas do país em 20 de julho de 2023, quinta-feira.

O longa não é recomendado para pessoas menores de 12 anos e é estrelado por Margot Robbie e Ryan Gosling como a Barbie e o Ken protagonistas. Veja um dos trailers:

Relembre mais personagens da vida real do Barbieverso de Campo Grande:

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, o sigilo é garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.