A Prefeitura de Dourados, através da Secretaria de Assistência Social, sediou na sexta e sábado a etapa regional da 2ª Conferencia de Juventude e o destaque foi o número de municípios presentes, com expressiva participação de jovens.

A abertura, na noite de sexta-feira, lotou o auditório da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados). Para a secretária municipal de Assistência Social Ledi Ferla, a participação das cidades significa a preocupação da juventude com discussões relacionadas a seus direitos.

Outras autoridades presentes, como o deputado federal Geraldo Resende, deputado estadual Laerte Tetila, vereador Elias Ishy e representantes de segmentos ligados à juventude em Dourados e no Estado, também ressaltaram o grande número de jovens, considerando esse envolvimento efetivo como um fato histórico na construção das políticas públicas. Para as autoridades, o real objetivo das conferências foi captado pelo grupo participante.

A vice-prefeita Dinaci Ranzi, que representou o prefeito Murilo Zauith no evento, falou da importância e da seriedade dos debates, destacando o alto nível das palestras e desejou um bom aproveitamento a todos. Ele pediu ainda que as propostas apresentadas fossem amplamente debatidas para que possam integrar a discussão nacional. Dinaci lembrou o tema “Juventude, desenvolvimento e efetivação de direitos” e disse que esse é o grande desafio.

Essa 2ª Conferência, em parceria com o Conselho Municipal da Juventude, teve a participação dos municípios de Caarapó, Itaporã, Douradina, Juti e Maracaju. Seus representantes tiveram a oportunidade de assistir, na abertura, a uma palestra do professor Ângelo Motti, coordenador da Escola dos conselhos da UFMS, e participar durante todo o sábado, dos debates ligados ao tema. Ao final do encontro, foram escolhidos os delegados para a etapa estadual.