Mato Grosso do Sul foi campeão geral do Campeonato Brasileiro de Judô – Região IV, pelo segundo ano consecutivo, durante competição realizada em () no último fim de semana. Os sul-mato-grossenses conquistaram 109 medalhas, sendo 39 ouros, 30 pratas e 40 bronzes.

A delegação estadual foi composta por 163 atletas (85 homens e 78 mulheres), além de 16 técnicos. Organizada pela CBJ (Confederação Brasileira de Judô), a competição levou 778 judocas aos tatames do Ginásio do Cruzeiro, representando o , , Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins. As disputas aconteceram nas classes sub-13, sub-15, sub-18, sub-21 e sênior, nas categorias de peso superligeiro, ligeiro, leve, meio-leve, meio-médio, médio, meio-pesado, pesado e superpesado.

O Distrito Federal terminou na segunda colocação geral, com 86 medalhas (29 ouros, 19 pratas e 38 bronzes). Mato Grosso fechou o pódio da competição, ao somar 52 medalhas (8 ouros, 13 pratas e 31 bronzes). As demais posições foram: Goiás em quarto, com 36 (3, 11 e 22); Rondônia em quinto, com 21 (1, 7 e 13) e Tocantins em sexto, conquistando seis bronzes.

Um dos destaques de Mato Grosso do Sul foi José Marco Demarco, que fez a dobradinha de ouro. Contemplado pelo MS, programa do Governo do Estado coordenado pela Fundesporte, o judoca de 19 anos da Associação Desportiva Moura ocupou o lugar mais alto do pódio nas classes sub-21 e sênior, pela categoria meio-médio (até 81 kg).

Além de terem somado pontos no ranking nacional da CBJ, os melhores atletas do Região IV já asseguraram vaga para as fases finais do Campeonato Brasileiro de cada um das classes etárias. Neste fim de semana, dias 1º e 2 de abril, também foram realizados os demais Brasileiros regionais (I, II, III e V), respectivamente em Macapá (AP), Natal (RN), (ES) e Canoas (RS). Esta foi a primeira vez que a entidade nacional organizou todas as fases regionais de forma simultânea. A iniciativa movimentou mais de 4 mil pessoas entre atletas, treinadores, árbitros, dirigentes e oficiais técnicos.

Garantindo a participação com excelência dos judocas sul-mato-grossenses nos tatames do Campeonato Brasileiro Região IV, o Governo de Mato Grosso do Sul assinou termo de fomento junto à FJMS (Federação de Judô de Mato Grosso do Sul) no valor de R$ 163,6 mil. O recurso foi utilizado para custear todas as despesas dos atletas na competição em (DF).

Confira todos os resultados do Campeonato Brasileiro de Judô – Região IV 2023.