Costa Rica entra em campo contra o Anápolis em casa após duas derrotas e demissão de técnico

Costa Rica é o 4º colocado no limite do G4, com 13 pontos
| 17/06/2022
- 14:00
Costa Rica Time é o único de MS no Brasileirão
(Foto: Divulgação/Fundesporte)

O Costa Rica passa por um momento nebuloso durante o Série D. Após perder os dois últimos jogos e enfrentar a demissão do técnico, o time enfrenta o Anápolis-GO, no domingo (19), no Estádio Laertão, em partida válida pela 10ª rodada.

Quando enfrentou o Anápolis, em meados de março, o Crec perdeu de 1 a 0, quebrando uma sequência de três vitórias após a estreia com derrota. Dessa vez, os sul-mato-grossenses jogam em e contam com a torcida.

Para continuar no G4 e se distanciar do Iporã-GO, o Costa Rica (4º) precisa vencer o Anápolis - que ocupa a vice-liderança - e torcer por um deslize do Iporã, que está na 5ª posição.  Confira aqui a tabela.

Demissão do técnico

O técnico Edson Júnior, de 46 anos, pediu demissão do Costa Rica. A decisão foi anunciada presidente do clube, André Baird.

Edson Júnior alegou problemas pessoais para se desligar do Crec. Conforme o Arquibancada MS, o time tentou convencer o treinador a seguir no comando, porém, ele preferiu deixar o cargo. O time é comandado atualmente pelo Gerente de Futebol, Sandrinho.

Repasse ao Costa Rica

O Costa Rica recebeu apoio de R$ 490 mil da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul) para participar do Campeonato Brasileiro de Futebol Série D 2022, o Brasileirão.

Veja também

Termos como socialismo e comunismo também estão proibidos

Últimas notícias