Três empresas formalizaram propostas ao leilão de rodovias estaduais de Mato Grosso do Sul, que acontece na quinta-feira (10) na B3, em São Paulo. As propostas serão abertas a partir das 13h (horário de MS) e a de menor valor será a vencedora.

Serão entregues para concessão da iniciativa privada a rodovia estadual MS-112 e trechos da BR-158 e BR-436. A informação das empresas interessadas foi adiantada ao Jornal Midiamax pela secretária Eliane Detoni, do Escritório de Parcerias Estratégicas do Governo do Estado.

Não foi estipulado valor mínimo para as propostas do leilão, mas o investimento nas três rodovias localizadas na costa leste do Estado deve passar dos R$ 3 bilhões. O tempo de concessão será de 30 anos de operação.

Rodovias beneficiadas

As rodovias estão localizadas na região leste do Estado, sendo que a MS-112 vai de Cassilândia a MS-158, próximo a Três Lagoas. A rodovia BR-158 liga Três Lagoas a Paranaíba, passando por Selvíria e Aparecida do Taboado. Já a rodovia BR-436 é um trecho pequeno que liga Aparecida do Taboado a São Paulo.

Os principais municípios beneficiados serão Três Lagoas, Selvíria, Inocência, Aparecida do Taboado, Paranaíba e Cassilândia. Esses municípios concentram atividades econômicas ligadas principalmente a celulose, além de frigoríficos de peixes, entre outros empreendimentos.

Os três trechos de concessão de estradas devem gerar um total de 2,5 mil empregos diretos e indiretos. Serão implantados seis pontos de pedágios nos trechos que entrarão para a concessão.

Detalhes do edital estão disponíveis no EPE (Escritório de Parcerias Estratégias) do Governo do Estado.