A partir de segunda-feira (07) a B3 começa a receber as propostas de empresas privadas interessadas em administrar três rodovias de Mato Grosso do Sul. Serão entregues para concessão da iniciativa privada a rodovia estadual MS-112 e trechos da BR-158 e BR-436.

As rodovias estão localizadas na região leste do Estado, sendo que a MS-112 vai de Cassilândia a MS-158, próximo a Três Lagoas. A rodovia BR-158 que liga Três Lagoas a Paranaíba, passando por Selvíria e Aparecida do Taboado. Já a rodovia BR-436 é um trecho pequeno que liga Aparecida do Taboado a São Paulo.

A sessão de abertura das propostas acontece no dia 10 de novembro a partir das 14h (horário de Brasília), também na B3. O edital prevê que seja prestado serviço de recuperação, operação, manutenção, conservação, implantação de melhorias e ampliação de capacidade do sistema rodoviário.

Investimentos nas rodovias deve passar dos R$ 3 bilhões

O investimento nas três rodovias localizadas na costa leste do Estado deve passar dos R$ 3 bilhões com concessão de 30 anos de operação. A população beneficiada deve chegar a 230 mil habitantes.

Os principais municípios beneficiados serão Três Lagoas, Selvíria, Inocência, Aparecida do Taboado, Paranaíba e Cassilândia. Esses municípios concentram atividades econômicas ligadas principalmente a celulose, além de frigoríficos de peixes, entre outros empreendimentos.

Os três trechos de concessão de estradas devem gerar um total de 2,5 mil empregos diretos e indiretos. Serão implantados seis pontos de pedágios nos trechos que entrarão para a concessão.

Detalhes do edital estão disponíveis no EPE (Escritório de Parcerias Estratégias) do Governo do Estado.