Uma cena inusitada chamou a atenção de quem passou pela Avenida Afonso Pena, no Centro de , ao da tarde desta segunda-feira (23). Um homem seguia pela ciclovia em sua bicicleta, enquanto era seguido por um cãozinho. Motoristas e pedestres paravam para fotografar e filmar a cena.

O ciclista que protagonizou a cena é o servente de pedreiro Vitorino Luís dos Santos, 50 anos, que apesar de parecer, não é o dono do . O animal é, na verdade, da vizinha de Vitorino, e antes do episódio não eram muito próximos. “Eu não dava comida, não tenho relação nenhuma com ele”, afirma.

O que chama atenção é que o cãozinho segue o ciclista por aproximadamente 11 quilômetros, que é a distância do bairro Tijuca, onde vive Vitorino, até a Rua Bahia, endereço do trabalho dele.

“A vizinha costuma deixar ele solto, e hoje pulou o muro para me seguir. É a primeira vez que isso acontece. Eu nem sei o nome dele”, explica.

Chegando ao trabalho de Vitorino, o seu novo companheiro ficou no local, onde foi bem cuidado, até o horário de saída, quando o seguiu de volta até em casa.

“Não dá para ele ficar no serviço comigo, vou ter que falar com a vizinha sobre isso”, afirma.

Flagrou alguma cena inusitada como essa? Conte para o Midiamax

💬 Receba notícias antes de todo mundo

Seja o primeiro a saber de tudo o que acontece nas cidades de Mato Grosso do Sul. São notícias em tempo real com informações detalhadas dos casos policiais, tempo em MS, trânsito, vagas de emprego e concursos, direitos do consumidor. Além disso, você fica por dentro das últimas novidades sobre política, transparência e escândalos.
📢 Participe da nossa comunidade no WhatsApp e acompanhe a cobertura jornalística mais completa e mais rápida de Mato Grosso do Sul.

Vitorino e seu companheiro. (Nathalia Alcântara, Midiamax)

Saiba Mais