Matrículas da UFGD serão realizadas de 7 a 9 de março para convocados na chama do SISU 2022

UFGD oferece 889 vagas em 34 cursos de graduação presenciais
| 26/02/2022
- 17:59
Matrículas da UFGD serão realizadas de 7 a 9 de março para convocados na chama do SISU 2022
(Foto: Divulgação)

De acordo com a quantidade de vagas em cada curso e a distribuição entre as opções de inscrição (universal e reserva de vagas), a Universidade Federal da Grande Dourados () publicou a convocação para da Chamada Única do SISU 2022. Nesta edição do Sistema de Seleção Unificada (SISU), realizado pelo Ministério da Educação, a UFGD oferece 889 vagas em 34 cursos de graduação presenciais.

A lista de nomes dos classificados está no anexo 1 do edital de convocação e os candidatos farão as matrículas pela internet, com envio de documentos para as secretarias acadêmicas de cada Faculdade (quadro II) e, no caso da reserva de vagas, para as comissões de Análise de Renda e de Heteroidentificação Geral.

O cronograma do edital já apresentou as datas dos três momentos de matrícula. Para os convocados na Chamada Única, as matrículas serão de 7 a 9 de março, das 7h às 23h59 (horário de Mato Grosso do Sul). Para quem está na lista de espera, as matrículas da 1ª Chamada serão nos dias 21 e 22 de março e da 2ª Chamada serão nos dias 28 e 29 de março. Os convocados que não fizerem a matrícula no prazo, perderão o direito à vaga e serão substituídos pelo candidato imediatamente subsequente na lista de classificação.

Quem está na vaga reservada para renda menor que 1,5 salário mínimo, deve enviar cópia legível da documentação constante no Edital de Divulgação PROGRAD nº 98/2021 para a Comissão de Análise de Renda, por e-mail para: analiserenda@ufgd.edu.br.

Além do envio de documentos, as pessoas autodeclaradas negras (pretas e pardas) precisam agendar o procedimento de heteroidentificação telepresencial (que será feita via Google Meet), no mesmo e-mail onde enviarão a autodeclaração (cotasraciais@ufgd.edu.br). Conforme a Resolução COUNI "ad referendum" nº 22 de 26/03/2021, a Comissão de heteroidentificação telepresencial fará a aferição visual considerando o seguinte conjunto de características fenotípicas de pessoa negra: cor da pele (preta ou parda); aspecto de cabelo; aspecto do nariz e; aspecto dos lábios.

 

 

Veja também

Defensoria Pública de MS comemora 40 anos no dia 1º de julho

Últimas notícias