Diferente dos cronogramas anteriores de aberturas ao sábados, a vai abrir 9 agências em Mato Grosso do Sul, neste sábado (6), para fazer o pagamento dos R$ 600 do auxílio emergencial liberado pelo governo federal. Nos saques anteriores, mais de 30 agências foram abertas aos sábados em MS.

Os locais vão funcionar das 8h às 12h, horário de MS, exclusivamente para os saques do benefício para aqueles que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em julho e que queiram fazer o saque em espécie do valor.

As nove agências estão distribuídas em seis municípios: , Corumbá, Dourados, Naviraí, Ponta Porã e Três Lagoas. Confira quais são as agências:

  1. Campo Grande – agência 1568 – Rua Barão do Rio Branco, 1119, Centro
  2. Campo Grande – agência 1979 – Avenida Afonso Pena, 3436, Centro
  3. Campo Grande – agência 0017 – Rua Treze de Maio, 2837, Centro
  4. Campo Grande – agência 1464 – Avenida Coronel Antonino, 98, Vila Rica
  5. Corumbá – agência 0018 – Rua Cuiabá, 1388, Centro
  6. Dourados – agência 0562 – Avenida Marcelino Pires, 1297, Quadra 5, Centro
  7. Naviraí – agência 0787 – Pc Euclides Antônio Fabris, 477, Centro
  8. Ponta Porã – agência 0886 – Avenida Brasil, 3154, Centro
  9. Três Lagoas – agência 0563 – Avenida Antônio Trajano dos Santos, 321, Centro

A tabela pode ser conferida em link disponibilizado pela Caixa.

Ao Jornal Midiamax, a Caixa informou que disponibilizou número menor de agências pelo fato de que, no sábado passado – 30 de maio, a maioria das agências teve movimento fraco e a instituição não julgou necessário manter tantas unidades em funcionamento.

Saque da segunda parcela para nascidos em Julho

A partir deste sábado (6), quem faz aniversário no mês de julho podem sacar a 2ª parcela do auxílio emergencial de R$ 600 ou transferir o dinheiro para qualquer banco. Isso vale só para quem recebeu a 1ª parcela até 30 de abril.

Todos esses beneficiários receberam depósito em digital da Caixa até 26 de maio, mas o saque em espécie e a possibilidade de transferir o dinheiro estão sendo autorizados em levas diárias, conforme o mês de nascimento.

Os últimos a poder sacar ou transferir a 2ª parcela, a partir de 13 de junho, são os nascidos em dezembro. A pessoa não é obrigada a sacar no dia da liberação, porque o dinheiro continua disponível.

A exceção neste calendário são os beneficiários do Bolsa Família, que tiveram o saque da 2ª parcela liberado durante as últimas semanas.

*Matéria editada às 15h13 para acréscimo de informações.