Força-tarefa apura se Bumlai é verdadeiro dono da cobertura

A investiga se a cobertura alugada por Glaucos Costamarques, um aposentado de Campo Grande, ao ex-presidente Luiz Inácio da Silva é de propriedade de José Carlos Bumlai, primo do locatário.

Segundo o Jornal O Estado de Saõ Paulo, os investigadores querem saber se o imóvel é, de fato, de Glaucos. Bumlai está preso sob acusação de forjar empréstimos em benefício do PT. Lula é suspeito de esconder bens e receber vantagens de empreiteiras envolvidas no esquema de corrupção na Petrobras.

A segunda cobertura, conjugada a que mora Lula, foi alvo da 24ª fase da Operação após o síndico afirmar que ela também era usada pelo ex-presidente e agora é alvo das investigações porque a compra teria envolvido outras pessoas, como o advogado Rodrigo Teixeira e José Carlos Bumlai.

Comprada em 2011 a R$ 500 mil, Glaucos afirmou ao Jornal O Estado de São Paulo que não comprou o imóvel a pedido de Bumlai, amigo de Lula e investigado na Lava Jato por suspeita de contratar empréstimos simulados para beneficiar o PT e pagar parte da reforma do sítio em Atibaia.

Glaucos alegou que comprou a cobertura a pedido do advogado Roberto Teixeira, por ser um bom investimento. A Operação investiga se o advogado teria ajudado Lula a ocultar a propriedade do sítio em Atibaia.

“Eu sou amigo do Roberto Teixeira e ele me falou: ‘Olha, tem um negócio bom aqui. O governo vai parar de alugar (o imóvel) e comprando você consegue uma boa porcentagem se quiser alugar”.

O apartamento é usado desde 2003 por Lula. Até 2007, o PT pagou pelo aluguel. No segundo mandato, o governo alegou que o local teria a segurança necessária para abrigar o então presidente, arcando com os custos.

No cartório, a cobertura comprada por Glaucos está em nome de Elenice Silva Campos, que morreu em fevereiro de 2015 e não pagou o imposto do imóvel que permitia a transferência da cobertura. Em Campo Grande, Glaucos é dono de diversas propriedades.

O Jornal Midiamax tentou contato com Glaucos Costamarques, mas no prédio a informação é de que ele estaria viajando.