Patrimônio

Investigações encurralam quem apelou para lavagem de dinheiro em MS.
| 17/04/2017
- 13:00
Patrimônio

Investigações encurralam quem apelou para em MS.

Trabalhos regionais encurralam investigados que recorreram a tática mais ou menos comum entre políticos: maquiagem na declarações de bens e posterior evolução patrimonial fantástica ao integralizar lucro devidamente lavado. Poucos apelaram para laranjas, e todos parecem ter achado mais fácil lidar apenas com o leão, ajustando declarações na Receita Federal. A tática, no entanto, que ficou famosa com a Lava Jato, não deve segurar o rojão em terras pantaneiras.

Veja também

Em pleno ano eleitoral, erro grave revoltou até servidores de elite que se sentiram expostos à morte como jagunços

Últimas notícias