A Prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (PP), instituiu o mês ‘Maio Marrom’, dedicado à realização de ações educativas para a prevenção da doença celíaca, na Capital. A informação consta no Diogrande desta sexta-feira (27).

O projeto foi votado e aprovado pelos vereadores de Campo Grande no final do mês de setembro deste ano. A proposta é do parlamentar William Maksoud (PTB).

A celíaca é uma doença autoimune, ou seja, as próprias células de defesa imunológica agridem as células do organismo, causando um processo inflamatório.

A inflamação é provocada pelo glúten, proteína presente no trigo, cevada e centeio. Esse processo inflamatório, que no caso ocorre na parede interna do intestino delgado, leva à atrofia das vilosidades intestinais, gerando diminuição da absorção dos nutrientes.