Com eleição antecipada da nova mesa diretora, Câmara de Dourados abre ano legislativo

Prefeito Alan Guedes (PP) já confirmou participação na solenidade que acontece nesta segunda-feira
| 07/02/2022
- 12:47
Vereadores retomam atividade e já elegem a mesa para o biênio 2023/2024
Vereadores retomam atividade e já elegem a mesa para o biênio 2023/2024 - Marcos Morandi

A Câmara Municipal de Dourados dá início oficialmente aos trabalhos legislativos de 2022 nesta segunda-feira (7). A novidade é que os vereadores da maior cidade do interior de irão eleger a nova mesa diretora para o biênio 2023/2024. O atual presidente, Laudir Munareto (MDB) deve ser mantido no cargo.

A solenidade de abertura está prevista para as 13h30, mas a antecipação da eleição da mesa diretora, conforme ato de convocação publicado em Diário Oficial do Município, está prevista para acontecer às 14h30.

O vereador emedebista, que confirmou a presença do Alan Guedes (PP) destacou que para este ano um dos maiores desafios, ainda em meio a um cenário de pandemia, será fiscalizar e cobrar um andamento melhor dos serviços prestados à população douradense, em todos os setores.

“O ano de 2021 foi bastante difícil e de adaptação. Agora vamos trabalhar para que em 2022 seja possível atender aos anseios da população douradense, que possamos fazer com que esse mandato que nos foi dado realmente venha a surtir os resultados que a população espera. Estamos preparados para todos os desafios que serão colocados a partir dessa primeira Sessão Ordinária”.

Laudir ressaltou ainda as mudanças estruturais em andamento na Casa. Segundo ele, para este ano, haverá a implantação de um sistema informatizado mais moderno que pretende trazer mais agilidade ao desenvolvimento das atividades. Além disso, há a previsão de que ainda neste mês de fevereiro o edital para o concurso de contratação de servidores efetivos seja publicado.

“Estamos informatizando toda nossa estrutura e isso é bastante importante. E, claro, seguimos focados no nosso trabalho que é fiscalizar, buscar melhorias e o atendimento da população por parte do Executivo, estar presente nas bases, conversando com as pessoas, buscando alternativas para melhorar a vida delas, que é o papel fundamental de um vereador”, explica Munaretto.

Veja também

Ataíde Feliciano da Silva perdeu mandato por acusação de compra de votos, ao fazer 2 doações de combustíveis a eleitores

Últimas notícias