Após dez anos, IBGE realizará Censo Agropecuário 2017 com 660 profissionais

Coleta de dados começa dia 2 de outubro
| 20/09/2017
- 18:36
Após dez anos, IBGE realizará Censo Agropecuário 2017 com 660 profissionais

Coleta de dados começa dia 2 de outubro

O (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) voltará a realizar o Censo Agropecuário ainda neste ano, no dia 2 de outubro e buscou apoio da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (20). O encontro, que aconteceu antes da sessão legislativa, reafirmou que o trabalho com investimento de R$ 780 milhões no país inteiro irá atualizar os dados do setor, após dez anos sem os trabalhos.

Presidente do IBGE em Mato Grosso do Sul, Mario Alexandre De Pinna ressaltou que 660 profissionais, sendo 110 concursados e 550 temporários, vão levantar os dados no Estado sobre  o que é movimentado no Estado em relação ao agronegócio.

Para Junior Mochi (PMDB), presidente da Assembleia, o desafio desta edição é integrar as notas fiscais eletrônicas ao levantamento do IBGE para que se facilite o monitoramento do movimento econômico do Estado.

“Esses dados permitiriam identificar os produtos produzidos, comprados e utilizados, além das mercadorias que têm circulado no Estado e para fora. Lembrando que o cidadão não é identificado, apenas a movimentação econômica”, disse De Pinna.

Chefe geral interino da Embrapa Gado de Corte, Ronney Robson Mamede pontuou que as instituições precisam de dados atualizados e confiáveis para embasar metodologias que vão utilizar nas pesquisas e soluções tecnológicas na cadeia produtiva.

“O Censo Agropecuário prevê dados e informações que embasarão decisões de pesquisa e transferência de tecnologia no contexto agropecuário. Nesses dez anos, os únicos dados utilizados eram estimativas”. Ao todo, 81 mil estabelecimentos agropecuários do Estado devem ser pesquisados. 

Veja também

A lista de convocados foi publicada pelo TRE-MS nesta quinta-feira (11)

Últimas notícias