Governador confirma diálogo e fala em reajuste para 4 categorias

Servidores do Fisco estadual devem receber reajuste
| 09/05/2015
- 00:42
Governador confirma diálogo e fala em reajuste para 4 categorias

Servidores do Fisco estadual devem receber reajuste

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) voltou a afirmar que mantém o diálogo com os servidores estaduais que querem no mês de data-base, e revelou que apenas quatro categorias devem ser contempladas.

“Estamos em um diálogo permanente com os servidores, que já tiveram reajuste pago com recursos e responsabilidade de nossa administração. Todas as leis aprovadas que deram aumento em dezembro (de 2014) deixam claro no texto da lei que é antecipação de data-base”, afirmou Azambuja.

Segundo ele, entre as categorias que deverão ser contempladas estão os servidores do Fisco estadual. Com relação aos professores, que cobram integralização do piso nacional, Reinaldo ressaltou que apenas Mato Grosso do Sul e Sergipe pagam o piso do magistério.

“Vamos esgotando no diálogo e mostrando os números. Hoje não existe condição financeira, porque estamos no limite do programa de ajuste fiscal, que impõe 60% com gasto com pessoal de todos os poderes. Nós estamos com 58.4%, dentro do limite prudencial não tem espaço para esse aporte financeiro”, frisou.

De acordo com o governador, apenas no primeiro bimestre de 2015 o governo perdeu mais de R$ 100 milhões de receita, o que impactou negativamente o caixa do Estado. Reinaldo afirmou que o aumento concedido em dezembro gerou um aumento mensal na folha de R$ 25 milhões.

“Poderia ter ficado para maio, mas o governador anterior no seu pacote de bondade resolveu antecipar para dezembro e nós estamos pagando essa conta”, finalizou o governador, que emendou dizendo que ‘greve é um direito do trabalhador’, e que eventuais cortes de pontos são decisões que cabem à justiça e não à gestão estadual. 

Veja também

Últimas notícias