Uma mulher foi vítima de feminicídio em na madrugada deste sábado (4). Ela foi esfaqueada pelo ex, que invadiu a residência dela. Antes de agredir Cleyde Maria Abrantes, o autor ateou fogo na casa.

Cleyde foi atingida no braço esquerdo e na altura do tórax. Segundo a equipe médica, ela chegou ao hospital com parada cardíaca e minutos depois acabou falecendo.

A mulher, sem idade informada até o momento, tinha medida protetiva de urgência contra o autor do crime. O ex de Cleyde descumpriu a decisão judicial e agrediu a vítima, que acabou falecendo ainda nesta madrugada.

Por volta das 3h50, a atendeu à ocorrência solicitada pelo atual companheiro de Cleyde. Segundo o registro policial, o homem tinha cortes profundos nos braços, causados por usada pelo ex de Cleyde.

A equipe policial acabou prestando socorro ao homem e o levou até o hospital. No local, o companheiro de Cleyde disse que eles foram surpreendidos pelo ex da mulher, que entrou na residência dela e ateou fogo na sala e em uma motocicleta Biz.

O homem afirmou aos policiais que quando viu as chamas, tentou apagar o fogo. Neste momento, o ex se dirigiu até Cleyde e desferiu as duas facadas.

Autor foragido

Assim, com apoio da Polícia Civil, a equipe da PM realizou rondas nas áreas do município e também em uma fazenda onde o autor, supostamente, poderia estar. No entanto, o homem não foi encontrado.

O caso foi registrado como feminicídio, violência doméstica e homicídio simples na Delegacia de Polícia de Nova Alvorada do Sul.

Por fim, vale lembrar que antes de levar o atual companheiro de Cleyde ao hospital, a equipe policial acionou o Corpo de Bombeiros, mas o grupo estava indo atender um incêndio em uma residência. Além disso, o registro é de que houve tentativa de chamado de ambulância do hospital local.