Uma mulher de 31 anos foi deixada em um posto de saúde, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, na noite deste domingo (5), depois de ser esfaqueada. Ela não corre risco de vida.

Os policiais foram chamados para a unidade de saúde pelos por volta das 23 horas, quando foram informados que a vítima havia sido esfaqueada no braço. Ela estava com um corte profundo, e se recusou a dizer aos militares quem teria causado o ferimento, assim como, o local onde teria sido esfaqueada. 

Um dos médicos que atendeu a mulher contou que um homem em uma motocicleta, de cor vermelha, teria deixado a vítima na frente da unidade de saúde dizendo: “eu fiz merda, fiz merda”. Ele teria ido embora em seguida.