A Polícia Civil de desmantelou uma boca de fumo que funcionava em uma residência no bairro João Paulo II. filha, respectivamente de 52 e 22 anos foram presas. Elas também contavam com o apoio de uma vizinha.

De acordo com as investigações, tato a mãe quanto a filha, trabalhavam diretamente na distribuição de e maconha na própria residência. Elas também forneciam drogas na modalidade delivery.

A vizinha, de 55 anos, seria a responsável pelo armazenamento e fracionamento dos entorpecentes em sua casa. Com ela a quipe localizou duas pedras brutas de crack

Na casa das duas primeiras, policiais localizaram 47 porções de crack fracionadas, três porções de maconha embaladas para venda, e aparelhos celulares.

A mãe inclusive, já tinha sido presa em 2017, no mesmo local, mantendo em depósito 61 porções de crack já fracionadas para venda.