Por falta de provas, pai é absolvido após ser preso ao estuprar filha em MS

Segundo a denúncia, o homem esperava a esposa sair para abusar da menina
| 15/02/2022
- 11:05
Por falta de provas, pai é absolvido após ser preso ao estuprar filha em MS
(Ilustrativa)

Um homem de 63 anos foi absolvido pela Justiça de por ‘falta de provas’ pelo estupro da filha de 14 anos. Ele chegou a ser preso, mas no dia 9 de fevereiro acabou absolvido após recurso da defesa. 

A decisão foi publicada no Diário Oficial dessa segunda-feira (14). Consta nos autos que em junho de 2010 e no ano de 2011, durante a madrugada, o homem estuprou a filha. A menina disse em depoimento que seu pai, em uma das primeiras vezes que cometeu o crime, entrou em seu quarto, tampou sua boca e a estuprou.

O homem ainda teria feito ameaças a ela se contasse algo, dizendo que iria matá-la. Após isso, a menina disse que foi abusada várias vezes pelo pai, sendo que os abusos aconteciam quando a mãe da menina saía para trabalhar.

Ele chegou a ser preso e condenado a 15 anos de prisão. A defesa recorreu e, em outro depoimento, a vítima teria declarado não ter sido abusada pelo seu pai. Com isso, a Justiça absolveu o homem. 

Veja também

Ela estava na motocicleta com o marido no momento do acidente

Últimas notícias