Bandido que manteve vítima em cárcere é preso logo após vender Amarok roubada no Paraguai

Ele foi detido com o dinheiro em espécie
| 10/06/2022
- 15:50
Bandido que manteve vítima em cárcere é preso logo após vender Amarok roubada no Paraguai
Dinheiro foi apreendido - Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (10), dois homens, de 28 e 30 anos, foram presos em na divisa de Mundo Novo com Salto del Guairá (PY), na alfândega da Receita Federal. Um deles é apontado como autor de um assalto no Paraná na noite anterior e estava com o dinheiro da venda da Amarok que roubou.

A foi feita pela Polícia Militar com a Receita Federal. Equipe abordou um táxi paraguaio que entrava no Brasil, ocupado pelos dois suspeitos, que estavam bastante nervosos. Um deles tentou fugir correndo na abordagem, mas acabou detido e foi constatado que estava foragido de Santa Catarina.

Já o outro portava R$ 4 mil e confessou que tinha cometido um assalto na noite anterior, no Paraná. Na ocasião, ele pediu água para o morador em Bituruna (PR), quando anunciou o assalto. Com a ajuda de comparsas, amarrou a vítima e roubou a camionete, uma Amarok.

O veículo foi vendido no Paraguai e o dinheiro, apreendido, era da venda do pertence. Os dois presos foram levados para a Delegacia de Mundo Novo.

Veja também

Polícia Militar Ambiental autuou 571 pessoas e aplicou R$ 11,5 milhões em multas por infrações...

Últimas notícias