Vinte pessoas, entre policiais civis e demais profissionais que atuam na (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) e tiveram contato com uma servidora que testou positivo para covid-19, realizaram testes para identificar a infecção pelo vírus. Todos os resultados deram negativo para o coronavírus.

De acordo com a Polícia Civil, demais policiais também deverão ser submetidos ao exame. O teste rápido foi realizado no quartel do , localizado no cruzamento da rua Sete de Setembro, com , no centro de .

Na última quarta-feira (17), o atendimento na Especializada foi suspenso para desinfecção do local e somente foi retomado na manhã desta quinta-feira (18).