Durante a noite deste domingo (23), uma mulher, de 23 anos, conhecida como ‘Morena’ foi presa na Morada do Sossego, na Favela do Mandela, em Campo Grande, depois de armas e drogas serem apreendidas em sua casa.

O flagrante aconteceu por volta das 20 horas deste domingo (23), quando os militares teriam recebido a informação de que na favela havia uma mulher que estava comercializando drogas. Os policiais a encontraram em uma motocicleta junto de outro homem, que disse apenas ser usuário e que havia comprado maconha de ‘Morena’.

Como as versões dadas por ambos não foram iguais, a polícia foi até a casa da mulher lá encontraram duas pistolas, três munições dentro de uma sacola e porções de maconha e cocaína. Ela contou que havia recebido ordens de um detento preso na Máxima conhecido por ‘Nego Cateto do PCC’ para guardar o armamento e as drogas na sua casa, e que receberia o valor de R$ 500 por dois meses.

Segundo ‘Morena’ todas as instruções dadas pelo membro do PCC eram feitas por telefone e que um outro membro da facção conhecido por ‘Menor’ foi quem deixou as drogas e armas na sua casa. Ela foi levada para a delegacia.