Papa defende amamentação em lugares públicos

Francisco diz a mães para não se constrangerem em alimentar seus filhos.  
| 11/01/2015
- 15:47
Divulgação

Francisco diz a mães para não se constrangerem em alimentar seus filhos.

 

O fez uma defesa do direito das mães em amamentarem seus filhos em lugares públicos neste domingo. Durante batizado coletivo de 33 bebês na Capela Sistina, o Sumo Pontífice avisou às mães presentes para não ficarem constrangidas caso precisassem alimentar as crianças.

– Vocês mães dão leite às suas crianças e mesmo agora, se eles chorarem por estarem com fome, amamente-os, não se preocupem – disse o Papa, saindo do texto previsto para sua homilia, que continha a frase “dar leite a eles” mas que ele modificou para o termo italiano “allattateli”, que significa “amamentar”.

Antes mesmo de Francisco começar sua homilia, no entanto, pelo menos uma das mães das 20 meninas e 13 meninos presentes já tinha sido vista amamentado sua criança no local, famoso pelos afrescos do pintor renascentista Michelangelo. Ainda durante o evento, o Papa pediu aos fiéis que lembrassem das mães pobres do mundo, “muitas das quais, infelizmente, não conseguem alimentar sias crianças”.

Esta semana, Francisco parte para sua segunda viagem à Ásia em menos de seis meses. O Papa vai visitar o Sri Lanka e as Filipinas, único país de maioria católica na região, onde 6 milhões de pessoas são esperadas para uma missa ao ar livre prevista para o próximo domingo.

 

Veja também

Últimas notícias