Justiça condena irmão de Bruno Gagliasso por espalhar fake news sobre mãe de vítima de chacina

Thiago Gagliasso afirma que "sequer foi notificado do processo"
| 04/07/2022
- 10:58
thiago gagliasso
Bruno e Thiago Gagliasso não se falam mais por divergências políticas - (Foto: Arquivo Pessoal)

Thiago Gagliasso, o irmão de , foi condenado pela Justiça após divulgar uma fake news envolvendo a de uma das vítimas da chacina do Jacarezinho. A informação foi divulgada pela coluna Ancelmo Gois, do jornal O Globo, deste domingo (3).

A condenação se deu porque, em maio de 2021, o ator publicou fotos de uma mulher segurando um fuzil afirmando ser a mãe de Marlon Santana de Araújo, uma das vítimas do massacre. Mas a mãe do jovem morto resolveu processar o irmão de Bruno Gagliasso porque não se tratava de sua pessoa nas imagens. A própria polícia desmentiu a fake news na época.

O valor da indenização fixado em R$ 10 mil foi considerado irrisório. "É praticamente um estímulo para continuar mentindo", disse a advogada da mãe ao O Globo. Nas redes sociais, Thiago afirmou que "sequer foi notificado do processo".

Veja também

A criança filha de Juliano e Letícia Cazarré nasceu com uma doença rara, chamada Anomalia de Ebstein

Últimas notícias