Suspeita de ebola em Goiânia é descartada pelo Ministério da Saúde

Uma paciente procurou o Hospital de Doenças Tropicais (HDT) em Goiânia nesta sexta-feira (1º) com sintomas parecidos com ebola, mas a possibilidade da doença foi descartada pelo Ministério da Saúde. A mulher de 23 anos havia voltado há pouco tempo de uma missão religiosa de dez dias em Moçambique, na África. Ela apresentou tosse e […]
| 02/08/2014
- 18:39
Suspeita de ebola em Goiânia é descartada pelo Ministério da Saúde

Uma paciente procurou o Hospital de Doenças Tropicais (HDT) em Goiânia nesta sexta-feira (1º) com sintomas parecidos com ebola, mas a possibilidade da doença foi descartada pelo Ministério da Saúde.

A mulher de 23 anos havia voltado há pouco tempo de uma missão religiosa de dez dias em Moçambique, na África. Ela apresentou tosse e febre alta, os mesmos sintomas da doença que está assolando o continente. O país em que a mulher esteve, porém, não está com o surto de ebola.

O serviço especializado do hospital realizou exames e conseguiu descartar a possibilidade da doença. A paciente continua internada em observação para manter o tratamento dos sintomas apresentados.

O Ministério da Saúde emitiu uma nota oficial informando que não há caso suspeito ou confirmado de ebola no País e que o risco de transmissão para o Brasil é baixo. Entretanto, as autoridades recomendam que brasileiros adiem viagens à África.

De acordo com os dados divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), os países com o pior quadro da doença são Guiné, Libéria e Serra Leoa, todos situados na África Ocidental.

Últimas notícias