Emocionado, Nelsinho afirma que perdeu referência política com morte de Eduardo Campos

“Não dá para acreditar”, afirmou o candidato à sucessão estadual Nelsinho Trad (PMDB) ao conversar a pouco com o Midiamax sobre a morte do presidenciável Eduardo Campos (PSB), durante queda de avião em Santos (SP), nesta terça-feira (13). Emocionado, Nelsinho afirmou que perdeu além de um amigo, sua referência política, e que não vai se […]
| 14/08/2014
- 01:32
Emocionado, Nelsinho afirma que perdeu referência política com morte de Eduardo Campos

“Não dá para acreditar”, afirmou o candidato à sucessão estadual (PMDB) ao conversar a pouco com o Midiamax sobre a morte do presidenciável Eduardo Campos (PSB), durante queda de avião em Santos (SP), nesta terça-feira (13). Emocionado, Nelsinho afirmou que perdeu além de um amigo, sua referência política, e que não vai se posicionar sobre política neste momento.

“Perdi dois grandes amigos meus, o Pedrinho Valadares (ex-deputado sergipano) e o Eduardo. Falei com ele na terça-feira sobre agendar uma data para vir para cá, que ia fazer uma reunião hoje sobre isso”, disse Nelsinho. Segundo o ex-prefeito, a candidata a vice, Pastora Janete Morais (PSB) já estava em Santos, no litoral paulista, aguardando Campos para a reunião.

A candidata a vice desembarca no Aeroporto Internacional de Campo Grande às 20 horas, e será recepcionada por Nelsinho. “Ela não sabia o que fazer então eu falei para vir para cá, vamos estar juntos, e daqui a gente vê como será”, disse o candidato peemedebista.

Nelsinho afirmou, ainda, que os compromissos de campanha estão suspensos. “Cancelei tudo até dar um norte. Eu não sei como vai ser agora, quem vou apoiar, e não quero misturar a questão política agora”, pontuou.

O candidato destacou que, neste momento, quer se solidarizar com as famílias, já que são amigos, e que se visitavam com frequência. Nelsinho conversou com a família do ex-deputado Pedrinho Valadares, mas não conseguiu entrar em contato com a viúva de Eduardo Campos.

“Está todo mundo em pânico. Era homem novo, não tinha nem 50 anos. A Janete me ligou hoje cedo dizendo que o avião tinha sumido até que veio a confirmação. Agora, eu quero apenas em uma coisa, em como está a família”, disse Nelsinho. O candidato resumiu a notícia da morte de Eduardo Campos, como uma tragédia sem explicação.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias