Produção de mel em MS retoma crescimento após pandemia e deve atingir recorde este ano

Estado sobe para 11º na produção de mel no país e terá recorde este ano
| 04/06/2022
- 15:52
Mel
MS vai aumentar produção de mel. Foto: Sistema Famasul

Mato Grosso do Sul vai ultrapassar produção de 1 mil toneladas pela primeira vez a partir deste ano. Ao longo dos últimos dez anos, o Estado saiu da 18ª posição no ranking nacional, para a 11ª posição alcançada ano passado. No Estado, atividade da apicultura — criação de abelhas para a produção de mel — é utilizada como um complemento de renda para o produtor rural. Ao mesmo tempo, é uma das alternativas para a diversificação da pauta do agronegócio no chamado “médio e longo prazos”.

Em 2020, a produção de mel ficou em 820 mil toneladas. Já ano passado, esse número saltou para 940 mil toneladas. Em 2019, chegou a 973 mil toneladas, aproximando-se de mil toneladas, mas nos dois anos seguintes a pandemia atrapalhou o desenvolvimento da apicultura, sobretudo nas áreas de capacitação e qualificação.

Segundo Jovelina Oliveira, gestora de desenvolvimento da (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), 20 indígenas receberam treinamento este ano no município de Brasilândia, que fica localizado a 387 quilômetros da Capital. Em Campo Grande, outros 50 produtores receberam treinamento.

O número de apicultores está aumentando no Estado. Do ano passado para cá, saltou de 1.016 para 1.097 e essa tendência deve continuar. De acordo com Jovelina Oliveira, muita gente está interessada em se tornar apicultor. Ela disse ainda que, no caso dos municípios do Bolsão, as empresas de silvicultura tem projetos paralelos com a população e a apicultura sempre aparece como uma opção rentável. Em Mato Grosso do Sul, os principais municípios produtores de mel são Três Lagoas, Brasilândia, Angélica, Dourados e Jaraguari.

Este ano, após aprovação da planta e documentos da indústria de beneficiamento de mel, a Dipoa (Divisão de Inspeção de Produtos de Origem Animal), pertencente à Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), realizou a vistoria com análise das instalações do estabelecimento e, semana passada, aprovou o início de suas atividades, no município de Rio Brilhante, município localizado a 161 quilômetros de Campo Grande.

Veja também

A taxa de desemprego no Brasil chegou a 9,4% em abril deste ano, o menor...

Últimas notícias