Maio não terá pagamento de vale-gás; veja quando benefício retorna

Vale-gás é pago apenas nos meses pares
| 11/05/2022
- 06:22
Maio não terá pagamento de vale-gás; veja quando benefício retorna
Botijão de 13 quilos de gás de cozinha (Foto: Marcello Casal Jr)

O mês de maio não terá o pagamento do vale-gás, programa do governo federal que paga R$ 51 às famílias de baixa renda, para recompor a alta do do gás de cozinha. Isso porque o vale-gás é pago apenas nos meses pares, ou seja, a cada dois meses. A última parcela foi paga em abril.

O valor do Auxílio Brasil, então, deverá ser menor do que o recebido no mês de abril, pois não contará com a parcela de R$ 51. O benefício deve voltar em junho.

Aliás, no mês de abril, mais de 5,39 milhões de famílias inscritas no programa receberam o benefício no valor de R$ 451. Para os demais, o valor médio ficou em torno de R$ 403 por família.

Quem tem direito ao vale-gás?

O benefício é destinado a famílias inscritas no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal), com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional, ou famílias que tenham entre seus integrantes quem receba o BPC (Benefício de Prestação Continuada).

Quanto será pago?

O benefício irá pagar 50% do custo médio de um botijão de gás de 13 quilos. Segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o valor médio do botijão em 2021 é de R$ 102,48.

Ou seja, cada família deve receber R$ 51,24. No entanto, em 2022, a estimativa para o ano que vem é que o valor médio do botijão suba para R$ 112,48. Assim, o valor do vale-gás pode ser de R$ 56,24.

Como será pago?

O pagamento será realizado a cada dois meses, para as famílias que se enquadram no benefício. O depósito será realizado por meio de uma Conta Social da Caixa Econômica Federal, conforme é feito no Auxílio Brasil.

Veja também

Lei federal determina devolução de tributos cobrados a mais dos consumidores

Últimas notícias