Itens de festa junina superam presentes para Dia dos Namorados na preferência do campo-grandense

Comerciantes afirmam que fenômeno se dá devido saudade dos campo-grandenses com as festas juninas, suspensas na pandemia
| 11/06/2022
- 12:07
Festa Junina supera venda de Dia dos Namorados na Capital
Festa Junina supera venda de Dia dos Namorados na Capital (Foto: Leonardo de França/Jornal Midiamax)

Os dois anos de recessão com a pandemia de Covid-19 trouxeram, de fato, impactos profundos para o comércio de Campo Grande, que tenta se reerguer desde então. Apesar do alto índice de imunização e retorno à vida em comunidade, um fenômeno peculiar chama atenção no centro de Campo Grande em véspera de Dia dos Namorados, quando as vendas costumavam explodir. Em 2022, os itens de festa junina superam a procura por presentes aos amados e se mostram na preferência dos campo-grandenses nesta época do ano.

A equipe de reportagem do Jornal Midiamax foi ao centro comercial da cidade na manhã deste sábado (11) para ver o movimento das vendas para os apaixonados, que vão celebrar o amor no domingo (12). Porém, um diferente impressiona: centro vazio, sem muitas decorações de Dia dos Namorados nas vitrines e desânimo dos comerciantes. Além das lojas específicas que vendem para os casais, a grande aposta da maioria são os itens de Festa Junina.

Jéssica Andrade Cardoso Pereira, gerente de loja no centro
Jéssica Andrade Cardoso Pereira, gerente de loja no centro (Foto: Leonardo de França/)

Especializada no segmento de chocolates, uma franquia localizada na região central registrou movimentação nesta manhã. Com muitos clientes, as vendas giravam em torno das cestas de doces, cestas café da manhã e produtos temáticos.

Porém, a realidade é um pouco diferente para Jéssica Andrade Cardoso Pereira, gerente de loja de acessórios na Rua 14 de Julho. Ao Midiamax, ela disse que teve um aumento na venda de alianças de aproximadamente 30% por conta do Dia dos Namorados. Pulseiras masculinas, carteiras e colares também tiveram procura. No entanto, as maiores vendas são de itens decorativos para festas juninas, como chapeuzinho de palha, presilhas e afins.

“Está tendo muita festa junina, festa junina nas escolas e querendo ou não, nos Dia dos Namorados que passaram, as pessoas estiveram com os seus namorados. E antes não teve Festa Junina”, relata.

Ricardo Félix Silva, gerente de loja no centro
Ricardo Félix Silva, gerente de loja no centro (Foto: Leonardo de França/Jornal Midiamax)

O mesmo é observado por Ricardo Félix Silva, gerente de loja de acessórios eletrônicos. Apesar da procura por smartwatch, caixas de som e fones de ouvido nos últimos dias, ele não credita as vendas especificamente ao Dia dos Namorados. “Os eletrônicos estão sempre em alta”.

Para demais comerciantes ouvidos pela reportagem, o movimento para o Dia dos Namorados está baixo. Nas vitrines, então, o que chamam atenção são os itens de Festa Junina.

Veja também

Foram levantados preços de 29 produtos da cesta básica em 12 supermercados do município

Últimas notícias