As câmeras de segurança instaladas dentro do Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande, serão usadas para tentar identificar o motociclista que invadiu a unidade, pondo em risco frequentadores do parque. O vídeo que viralizou nas redes sociais teria sido gravado no domingo (15).

Em nota, a Gerência de Unidades de Conservação do informou que está verificando a possibilidade da identificação da placa da motocicleta, por meio das câmeras de segurança do local, para que sejam tomadas as devidas providências.

A nota reforça que todas as entradas do Parque das Nações Indígenas contam com funcionários que controlam a circulação no local. Inclusive, houve uma tentativa de barrar o motociclista, sem êxito naquele momento.

“Lamentamos o transtorno aos usuários e reforçamos que a ocorrência de domingo foi um fato isolado”, finaliza a nota.

No vídeo é possível ouvir barulho alto da moto

As imagens foram compartilhadas pela página Junior do Passeando, mencionando que o registro foi feito no domingo (14), dia que mais reúne moradores na área de lazer. Além da manobra proibida, o motociclista passa a curva, próximo à ponte, em alta velocidade. Quem assiste à ação fica impressionado pela imprudência.

Internautas criticaram a ação mencionando a falta de segurança. “Aí já acho sacanagem. Final de semana tem muita e idoso caminhando no parque”, escreveu um. “Irresponsáveis. Local onde muitas famílias e crianças caminham tranquilos uma loucura dessas, mas é o maior defeito da população enquanto não destrói não está bom”.

Está sabendo de algo que MS precisa saber? Conte pro Midiamax!

Se você está por dentro de alguma informação que acha importante o público saber, fale com jornalistas do Jornal Midiamax!

Fala Povo: O leitor pode falar direto no WhatsApp do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.

Você pode enviar flagrantes inusitados, denúncias, e sugestões com total sigilo garantido pela lei.

Acompanhe nossas atualizações no FacebookInstagram e Tiktok