A ansiedade acompanha muitos estudantes no desafio de entrar para uma universidade e a tradicional benção de canetas para os candidatos que se preparam para enfrentar o (Exame Nacional do Ensino Médio), traz alívio.

Neste domingo (29), no Santuário Nossa Senhora Perpétuo Socorro, aconteceu a benção das canetas. Para muitos, esse ato representa um momento de alívio e tranquilidade, servindo como uma forma de amenizar a ansiedade que geralmente acompanha esse desafio educacional.

Maria Júlia Sarlo, 15 anos, estudante, prestará o Enem pela primeira vez como treineira. Ela, que está estudando desde o início do ano busca uma vaga em medicina, assim que concluir o ensino médio e está confiante.

“Eu acho muito importante essa benção para o alívio da ansiedade dos candidatos, de saber a parte espiritual e emocional que você tem um apoio e até pelo simbolismo da caneta, de te lembrar na hora da prova. Eu acho que dá um encorajamento maior para o participante” disse.

Maria Júlia foi receber a benção neste ano (Alicce Rodrigues, Jornal Midiamax)

A mãe Aparecida Lene Sarlo, 55, comerciante, emocionada em ver a filha recebendo a benção especial, comenta que ela é um milagre de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Aparecida teve três perdas de gestação antes de ter Maria Júlia. Foi quando fez novenas em honra a Nossa Senhora pedindo por um filho e quatro anos depois, graças a novena, engravidou.

“Na novena o padre disse se você perdeu alguma coisa coloca na mão de Nossa Senhora, eu coloquei a mão no meu útero e 15 dias depois comecei a passar mal. Fiz exame e comprovou minha gravidez, aí minha filha nasceu e hoje estou aqui para Nossa Senhora abençoar a minha filha.”, disse Aparecida.

Para Aparecida é muito importante a filha estar hoje na benção das canetas, já que ela é um milagre de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. “Imagina para o coração de uma mãe estar aqui hoje e ver tua filha ali recebendo a caneta abençoada para fazer sua primeira prova. É muito importante estar aqui nesse momento para iniciar o futuro dela,” enfatizou.

Hoje, Aparecida também tem outra filha, de 12 anos.

Tradição

Segundo o Padre Celso Junior, “é uma tradição aqui do Santuário e eu acredito que tenha uma importância especial para esses jovens que terão uma semana tensa. Uma semana onde eles vão estudar bastante, terão a prova no de semana, e terão um alívio a mais. Nós chamamos de sacramentais, uma bênção de Deus especial para este momento. Nós abençoamos as canetas como um sinal de que Deus estará presente com eles na prova”.

Padre Celso Júnior (Alicce Rodrigues, Jornal Midiamax)

Concurso

Mas a benção vale não somente para quem vai prestar o Enem. Como o caso do Jean Ribeiro, de 26 anos, que irá prestar concurso para (Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian) em Campo Grande e sua mãe levou a caneta para receber a benção.

Maria Madalena, de 56 anos, é técnica de enfermagem, levou a caneta do filho Jean que prestará o concurso de odontologia para o Ebserh (Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian) em Campo Grande. “Ele é formado há ano, e há meses se prepara para o concurso, que deve ocorrer no dia 17 de dezembro de 2023”, explicou.

Saiba Mais