Mais de 400 carteiras de trabalho emitidas são esquecidas na sede da Funtrab em MS

Carteiras emitidas entre 2015 e 2019 ainda aguardam donos
| 02/06/2022
- 07:14
emprego carteira de trabalho
(Foto: Divulgação/ Governo de MS)

Ainda aguardando os donos, cerca de 403 CTPSs (Carteiras de Trabalho e Previdência Social) de trabalhado foram esquecidas na sede da Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande. O documento foi solicitado para emissão, mas os trabalhadores não retornaram para retirada — algumas, inclusive, desde 2015.

A carteira é um documento essencial para vida profissional e que assegura acesso aos direitos trabalhistas, como o 13º salário e a aposentadoria. Um dos motivos do esquecimento na fundação é a modernização do formato digital. Com resolução do Ministério da Economia, as anotações contratuais passaram a ser registradas apenas em formato digital, podendo ser conferidas pelo aplicativo da “Carteira de Trabalho Digital”.

Embora não seja mais emitida no formato impresso, o trabalhador que possui a carteira tradicional deve guardar o documento. Por isso, a convoca os trabalhadores para a retirada das carteiras emitidas entre 2015 e 2019. “Por ser um documento como qualquer outro, solicitamos que o trabalhador venha à Fundação para retirar a carteira física”, completou o diretor-executivo da Fundação, João Cirilo.

Somente o próprio titular pode buscar a CTPS. Não é preciso agendar horário, basta comparecer à sede da Funtrab na Rua 13 de maio, nº 2.773, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, com RG ou outro documento de identificação com foto.

Veja também

Ordem de serviço foi assinada em 2014, mas até agora a obra não foi concluída

Últimas notícias